É um distúrbio pigmentar da pele que ocorre principalmente no rosto. Clinicamente o Melasma carateriza-se por manchas acastanhadas na pele, sem sintomas, podendo acontecer simetricamente ou não. Considerado um distúrbio crônico, seu tratamento e prevenção devem ser contínuos.

A profundidade em que se localiza o pigmento na pele determina o tipo de melasma, que pode ser epidérmico (mais superficial e que responde melhor ao tratamento), dérmico (mais profundo e de tratamento mais difícil) ou misto.

Para se saber a profundidade do melasma e consequentemente qual o tratamento mais adequado o médico usa um aparelho específico para avaliação da pele.

Tratamentos

Medicações de uso tópico para manchas

Mesoterapia para manchas

Peeling para manchas

Luz Intensa Pulsada