O peeling é indicado para promover a descamação e renovação da pele. Com isso o peeling torna-se um dos procedimentos estéticos mais procurados nos consultórios dos médicos brasileiros. Pode ser feito de maneira química, mecânica e a laser. No peeling químico a descamação é induzida por substâncias químicas. Eles são bem tolerados e de baixa incidência de complicações, desde que se tome os devidos cuidados.

No peeling químico os efeitos dos ácidos sobre a pele podem aparecer mais rapidamente quando utilizados em alta concentração. Vários tipos de peelings são considerados procedimentos médicos e apenas médicos estão habilitados para fazê-los, pois em mãos inábeis podem trazer resultados desastrosos.

No peeling mecânico é feita uma esfoliação mais leve, como no peeling de cristal e de diamantes (a microdermoabrasão) cujos resultados são bem mais superficiais e fugazes.